Coronavírus

Morreu Vieira Monteiro, presidente do Santander, vítima da Covid-19

MIGUEL A. LOPES / LUSA

Estava infetado com o novo coronavírus.

Especial Coronavírus

O presidente do Santander em Portugal, António Vieira Monteiro, morreu esta quarta-feira. Estava infetado com o novo coronavírus.

A notícia foi avançada pelo Expresso.

Vieira Monteiro é a segunda vítima mortal por Covid-19 em Portugal. Contraiu a Covid-19 em Itália, durante umas férias numa estância de inverno.

António Vieira Monteiro liderava o conselho de administração do Santander desde 2019, após seis anos como CEO.

Quando abandonou a liderança executiva do Santander Totta, Vieira Monteiro, considerou que deixava o cargo com o banco "preparado para continuar a enfrentar o futuro" e salientando que quando assumiu a liderança a instituição "não era quase nada".

Na mesma altura, Vieira Monteiro apontou ainda a "aposta calculada" nas empresas como um dos fatores do sucesso da instituição.

"Ao fim de sete anos, eu vou continuar no banco, vou ser presidente do Conselho de Administração e, portanto, vou continuar no banco, acho que já tenho idade de deixar a parte executiva, já que vou fazer 73 anos, [...] mas aquilo que hei de dizer é que há sete anos quando entrei o banco não era quase nada", afirmou.

Tinha 73 anos.

A primeira foi anunciada na segunda-feira pela ministra da Saúde, Marta Temido. Tratava-se de Mário Veríssimo, antigo massagista do Estrela da Amadora. Tinha 80 anos e sofria de "várias patologias associadas".

SIGA AQUI AO MINUTO AS ÚLTIMAS INFORMAÇÕES SOBRE A COVID-19

Veja também: