Coronavírus

Primeiro teste a bebé de mãe infetada nascido hoje no São João deu negativo

Zohra Bensemra

Tanto a mãe como o filho estão bem.

Especial Coronavírus

O primeiro teste feito ao filho de uma mulher infetada com o novo coronavírus que nasceu hoje de madrugada no Hospital de São João, no Porto, deu negativo, disse à Lusa fonte oficial daquela unidade hospitalar.

O menino nasceu de cesariana, esta madrugada, e tanto a mãe como o filho "estão bem", acrescentou a mesma fonte do Centro Hospitalar e Universitário São João (CHUSJ).

O bebé é o segundo de uma mãe infetada com o novo coronavírus a nascer no Hospital de São João, no espaço de quase uma semana.A mesma fonte referiu que será feito um segundo teste ao bebé entre as próximas 48 a 72 horas.

O primeiro bebé de uma mulher com Covid-19, uma menina, nasceu a 17 de março e os dois testes realizados para despiste deram negativo para a infeção. O segundo teste desta criança foi realizado 72 horas depois do primeiro.

SIGA AQUI AO MINUTO TODA A INFORMAÇÃO SOBRE A PANDEMIA DA COVID-19

Na sexta-feira, Henrique Soares, neonatologista do CHUSJ, assegurou que aquela unidade hospitalar está "preparada" para casos de grávidas infetadas pelo novo coronavírus que causa a doença covid-19, a qual não coloca as gestantes em grupo de risco.

"Estabeleceram-se circuitos próprios para as grávidas Covid-19 positivas ou suspeitas e para as grávidas normais", disse.

Portugal, onde os primeiros casos confirmados foram registados no dia 02 de março, encontra-se em estado de emergência desde as 00:00 de 19 de março e até às 23:59 de 02 de abril.

Veja também:

  • Mais de 11 mil infetados em Portugal. Governo admite aumento de pressão sobre hospitais

    Coronavírus

    No dia em que o balanço da Direção Geral de Saúde dá conta de 311 mortes e 11.730 casos de Covid-19 em Portugal, o Governo admite que aumentou a pressão sobre os hospitais. Esta segunda-feira, ficou ainda a saber-se que o País já tem um mapa de risco de infeção por coronavírus. Em Londres, o primeiro-ministro britânico Boris Johnson está internado nos cuidados intensivos. Em Espanha, o número de óbitos desceu pelo quarto dia consecutivo. Já os Estados Unidos ultrapassaram as 10 mil mortes. A pandemia do novo coronavírus já matou, desde dezembro, 73.139 pessoas e infetou mais de 1,3 milhões em todo o mundo.

    SIC Notícias