Coronavírus

Estados Unidos compram quase toda a reserva de remdesivir

Negócio envolve a compra de 500 mil doses de remdesivir, praticamente a toda a reserva para três meses da empresa Gilead Sciences.

Especial Coronavírus

A compra foi anunciada pela Administração de Trump como um acordo espantoso para os norte-americanos. Mas a antecipação dos Estados Unidos acaba por limitar o stock disponível para outros países.

O remdesivir já tem sido usado, por exemplo, em Portugal, em alguns casos. O fármaco foi recentemente aprovado pela Agência Europeia do Medicamento para o tratamento da Covid-19 em adultos e adolescentes, a partir dos 12 anos, com sintomas graves.

Laboratório cobra 2.340 dólares por tratamento com remdesivir

A Gilead Sciences definiu o valor a que o remdesivir vai ser comercializado.

A empresa norte-americana, segundo a Reuters, vai vender aos países desenvolvidos cada frasco a 390 dólares. A toma do medicamento é feita em cinco dias e o paciente terá de tomar seis doses de remdesivir. No total, o custo será de 2.340 dólares por cada doente.