Coronavírus

As terríveis consequências indiretas da pandemia

As terríveis consequências indiretas da pandemia

Malária, diarreias, malnutrição, continuam a ser as maiores causas de morte na Serra Leoa.

Especial Coronavírus

A Serra Leoa tem uma das maiores taxas de mortalidade infantil no mundo, com 105 mortes por cada mil nados-vivos. No contexto de uma pandemia o acesso a cuidados de saúde é um enorme desafio.

Começamos a ver algumas das terríveis consequências indiretas da pandemia. Muitas crianças chegam tarde ao serviço de urgências, possivelmente porque os pais estão com medo de levar as crianças a qualquer estrutura de saúde.

Muitas delas chegam em condições graves ou críticas e às vezes, infelizmente, já não há nada mais que se possa fazer por elas. Se a doença for detetada atempadamente, as mortes por malária são evitáveis.

Para dar resposta ao medo das comunidades de se deslocarem para obterem cuidados de saúde a Médicos Sem Fronteiras leva os cuidados de saúde às crianças.

Nas zonas remotas de Gorama Mende e Wandor a MSF presta apoio ao Ministério da Saúde e Saneamento.

ESQUECIDOS

É um projeto da SIC Notícias e da Médicos Sem Fronteiras que dá espaço aos que vivem situações de vulnerabilidade. Histórias de quem fica marcado por conflitos armados, catástrofes, migrações ou falta de acesso a cuidados de saúde. Testemunhos de quem é quase sempre silenciado. Muitas vezes esquecido.

Veja também: