Guerra Rússia-Ucrânia

Ucrânia diz ter reconquistado "mais de 20 localidades" em 24 horas

Exército ucraniano.
Exército ucraniano.
Anadolu Agency/Getty Images

"Durante a retirada, as tropas russas abandonaram as suas posições à pressa e fugiram", conta o Exército ucraniano.

Loading...

O exército ucraniano diz ter reconquistado às forças russas mais de 3.000 quilómetros quadrados de território, numa extensão semelhante a toda a área metropolitana de Lisboa. A confirmar-se, o território recuperado pelo Governo de Kiev triplicou em apenas três dias.

O Exército ucraniano anunciou esta segunda-feira que retomou mais de 20 cidades ou povoações em 24 horas, no quadro da sua contraofensiva contra o exército russo, nomeadamente no leste da Ucrânia.

A libertação de localidades dos invasores russos continua nas regiões de Kharkiv e Donetsk”, referiu o Exército ucraniano no seu relatório matinal, onde “durante a retirada, as tropas russas abandonaram as suas posições à pressa e fugiram”.

A Ucrânia afirmou no domingo ter recuperado cerca de 3.000 quilómetros quadrados do seu território, principalmente na região de Kharkiv, desde o início de setembro. Na noite de domingo, várias regiões do leste, norte, sul e centro do país sofreram extensos cortes de energia, atribuídos pelas autoridades ucranianas aos ataques russos.

Perto de Kharkiv, a central termoelétrica número 5, a segunda do país, foi afetada, segundo a Presidência ucraniana, mas a energia foi rapidamente restaurada em algumas das áreas afetadas. Na região de Kharkiv, 80% do fornecimento de eletricidade e de água foi restaurado, disse hoje o vice-chefe do gabinete da Presidência ucraniana, Kyrylo Tymoshenko, na rede social Telegram.

O líder da Chechénia, aliado assumido da Rússia, já admitiu que Moscovo está a cometer erros, mas a Rússia defende que está a reagrupar as tropas e garante que vai atingir os objetivos que traçou para o que chama uma “operação militar especial”.

Últimas Notícias
Mais Vistos