Violência em Moçambique

Violência em Moçambique. Milhares de deslocados de Palma chegam ao porto de Pemba

Enviados SIC

Rafael Homem

Rafael Homem

Repórter de Imagem

O relato dos enviados especiais da SIC e do Expresso em Pemba.

Deverá chegar, na noite desta quarta-feira, mais um navio com deslocados de Palma, a vila a norte de Moçambique que tem estado sob ataque de grupos armados ligados ao Daesh. No porto da capital de Cabo Delgado, dezenas de pessoas esperam notícias dos familiares. Luís Garriapa, Rafael Homem e Ricardo Marques são os enviados especiais da SIC e do Expresso em Pemba.

Dezenas de pessoas poderão ter sido mortas pelos insurgentes, que há uma semana dominam a Vila de Palma. Os que não conseguiram socorro puseram-se em fuga para o mato ou atravessaram a fronteira para a Tanzânia.

Pemba é, por estes dias, um porto de abrigo. Mas na capital de Cabo Delgado, ninguém esconde o receio que o terror possa estar a caminho.

A esperança reside num terceiro barco que deverá chegar ainda esta quarta-feira. Nele vêm mais de um milhar de pessoas fugidas ao ataque provocados por um grupo armado ligado ao Daesh.