País

Envio de dados de ativistas. Fernando Medina e Carlos Moedas trocam acusações

O Presidente da Câmara de Lisboa reafirma que não se demite.

Fernando Medina respondeu a Carlos Moedas, que acusou o presidente da Câmara de Lisboa de mentir e pediu a sua demissão. Tudo isto na sequência da partilha de dados pessoais de ativistas russos com a Embaixada da Rússia em Portugal. Medina diz que o candidato do PSD faz acusações delirantes e que não é assim que se ganham eleições.

A inauguração do parque Gonçalo Ribeiro Teles, na praça de Espanha, em Lisboa, fica ensombrada pelo envio de dados pessoais de ativistas russos para a Embaixada da Rússia, pela Câmara de Lisboa.

Desde quinta-feira que Fernando Medina tem sido alvo de críticas por parte do candidato do PSD. Este domingo, o autarca respondeu-lhe: reafirma que não se demite e acusa os opositores de fazerem uma “campanha de insultos”.

Sobre o caso, Fernando Medina remete mais explicações para o dia em que revelar os resultados da auditoria que mandou fazer à autarquia.

VEJA MAIS: