Economia

Governo alivia imposto sobre petrolíferos para contrariar aumento dos combustíveis

A medida entra em vigor este sábado.

Os combustíveis baixaram, este sábado, até dois cêntimos por litro por causa de um ligeiro alivio no imposto. O Governo tenta atenuar a subida galopante do preço da gasolina e do gasóleo, mas já é dado como certo que os combustíveis vão continuar a subir.

Na semana em que, pela primeira vez, a gasolina 98 ultrapassou os dois euros por litro – o valor mais alto de sempre no país – o Governo aciona um mecanismo de contrapeso: a redução do imposto sobre os produtos petrolíferos e energéticos (ISP).

O anúncio surgiu dois dias depois do ministro da Economia, Pedro Siza Vieira, ter afirmado, em entrevista ao jornal Expresso, que o Governo não ia mexer nos impostos, prosseguindo com a trajetória definida.

O ISP baixa este sábado e deverá permanecer assim até dia 31 de janeiro. Esta descida traduz-se numa redução de dois cêntimos por litro na gasolina e um cêntimo no gasóleo.

No entanto, no início da próxima semana já se espera um novo aumento dos preços do combustível. O Governo diz estar a acompanhar a situação e admite voltar a intervir caso seja necessário.

► VEJA MAIS: