Coronavírus

Carnaval de Veneza cancelado por causa do surto de coronavírus

ABIR SULTAN / EPA

Festejos de hoje ainda se realizam, eventos até 1 de março cancelados.

Especial Coronavírus

Os últimos dois dias do Carnaval de Veneza foram cancelados por causa do surto de coronavírus, anunciou hoje o responsável pela região de Veneto, Luca Zaia.

Em declarações aos jornalistas, Zaia disse ainda que as festividades de hoje ainda se mantêm, mas "a partir desta noite é cancelado o Carnaval de Veneza bem como outros eventos, desportivos também, até 1 de março, inclusive".

Já há dois casos de infeção pelo novo coronavírus Covid-19 em Veneza.

Quatro jogos da Liga italiana adiados

O jogo entre o Torino e o Parma foi hoje adiado devido à multiplicação de casos do surto do coronavírus em Itália, tornando-se no quarto jogo da 25.ª jornada da Liga italiana a ser reagendado.

"O jogo foi adiado para uma data posterior", escreveu o Torino, num breve comunicado na sua página oficial na Internet.

No sábado, a Serie A já tinha anunciado o adiamento de três outros jogos previstos para hoje, casos do embate entre Atalanta e Sassuolo, em Bérgamo, o Verona-Cagliari e o Inter Milão-Sampdoria.

O Comité Olímpico de Itália (CONI) tinha defendido o cancelamento dos eventos previstos na Lombardia e no Veneto, as zonas italianas afetadas pelo surto do coronavírus Covid-19.

Turim situa-se na região Piemonte, igualmente no norte de Itália, onde um novo caso do coronavírus foi confirmado.

Uma dezena de cidades italianas isoladas, 100 casos de infeção por coronavírus, 2 mortos

O Governo italiano anunciou no sábado o isolamento de uma dezena de cidades, em particular na Lombardia (norte), após serem detetados cerca de 80 casos do novo coronavírus Covid-19 e confirmadas duas mortes desde sexta-feira.

"Nas zonas consideradas como de surto, não será autorizada nem a entrada nem a saída, à exceção de autorização particular", declarou aos media o primeiro-ministro italiano Giuseppe Conte. O chefe de governo anunciou ainda o encerramento de empresas e escolas nessas zonas, e a anulação de todos os eventos públicos (carnavais, competições desportivas, excursões escolares, entre outros).

Itália é o país europeu com mais casos de coronavírus

As duas mortes em poucas horas e o número crescente de casos confirmados de contaminação por COVID 19 estão a deixar Itália em alerta. Em 5 regiões, há já mais de 100 pessoas infetadas.

O governo reuniu de emergência e decretou o encerramento das áreas mais atingidas nas regiões norte da Lombardia e Veneto.

Nas regiões mais atingidas, mais de 50 mil pessoas devem permanecer em casa.

Veja também:

Mapa interativo mostra em tempo real os países afetados pelo coronavírus

A Universidade Johns Hopkins, nos Estados Unidos, criou, em conjunto com outras entidades, um mapa interativo que permite acompanhar a evolução do coronavírus no mundo.

  • Espanha ultrapassa as 8 mil mortes. Quase 800 mil infetados no mundo

    Coronavírus

    Nas últimas 24 horas, Espanha registou mais 849 mortes por Covid-19, o valor mais alto num só dia desde o início da pandemia. O balanço de vítimas do novo coronavírus em território espanhol ascende agora a 94.417 infetados e 8.189 vítimas mortais. Em termos globais, há quase 800 mil pessoas infetadas e mais de 38 mil vítimas mortais. Portugal regista 140 mortes e 6.408 casos. Siga aqui ao minuto as últimas informações sobre a pandemia.

    Direto

    SIC Notícias