Coronavírus

Lituânia encerra fronteiras a cidadãos estrangeiros este sábado

Sergio Perez

Para evitar a propagação do novo coronavírus.

Especial Coronavírus

A Lituânia anunciou que fechará este sábado à tarde as fronteiras a cidadãos estrangeiros para evitar a propagação do novo coronavírus neste país báltico, com sete casos confirmados entre a população de 2,8 milhões de habitantes.

Os controlos serão restabelecidos a partir das 18:00 locais (16:00 em Lisboa) nas fronteiras com dois países vizinhos, a Letónia e a Polónia, anunciou a ministra do Interior, Rita Tamasuniene.Estes controlos continuam a funcionar normalmente nas fronteiras com a Bielorrússia e a região russa de Kaliningrado.

"A livre circulação na zona Schengen é um grande valor, mas neste momento é a maior ameaça", disse a ministra.

A governante não precisou o período abrangido pelas medidas relativamente aos estrangeiros, apesar de os controlos nas fronteiras estarem previstos para 10 dias, com possibilidade de prolongamento.

Restrições semelhantes foram adotadas nos últimos dias por vários países europeus, entre os quais a Polónia, a Eslováquia e a República Checa.

No âmbito da entrada em vigor destas medidas, a entrada no país será interditada a todos os estrangeiros, à exceção dos titulares de uma permissão de trabalho lituana.

A Lituânia já decidira fechar todas as escolas, universidades, creches, museus e cinemas.

Os bares devem encerrar às 22:00.O novo coronavírus responsável pela pandemia de Covid-19 foi detetado em dezembro, na China, e já provocou mais de 5.500 mortos em todo o mundo.

O número de infetados ultrapassou as 143.000 pessoas, com casos registados em mais de 135 países e territórios, incluindo Portugal, que tem 169 casos confirmados.

A Organização Mundial de Saúde declarou que o epicentro da pandemia provocada pelo novo coronavírus (SARS-CoV-2) se deslocou da China para a Europa, onde se situa o segundo caso mais grave, o de Itália, que anunciou mais 250 mortes na sexta-feira, um recorde em 24 horas, e que regista 1.266 vítimas fatais.

SIGA AQUI AO MINUTO AS ÚLTIMAS INFORMAÇÕES SOBRE O SURTO DE COVID-19

Veja também:

  • 2:34