Coronavírus

Medidas no Reino Unido. Da identificação da nova variante ao terceiro confinamento

Recorde as medidas que o Governo britânico tomou para controlar a nova estirpe de coronavírus.

Saiba mais...

A variante inglesa do novo coronavírus foi responsável pelo súbito aumento do número de casos registados no Reino Unido, em particular no sul de Inglaterra. Desde meados de dezembro que o Governo britânico está a tentar controlar a nova estirpe.

Foi no dia 14 de dezembro que o ministro da Saúde britânico anunciou a descoberta de uma nova estirpe no sul de Inglaterra. Nessa altura, tinham sido identificados mais de mil casos.

Para conter a propagação, o Governo criou um novo nível de risco máximo. Cerca de duas semanas depois, três quartos de Inglaterra já estava sob as mais duras restrições.

O terceiro confinamento chegaria a 5 de janeiro, quando o Governo chegou à conclusão que o nível 4 de restrições não era suficiente para travar esta nova variante. Há 15 dias que só há aulas online.

No entanto, um estudo do Imperial College, divulgado esta quinta-feira, revela que, apesar do confinamento, o número de infeções ainda não abrandaram.

A data de fim do confinamento ainda não foi divulgada pelo Governo britânico. Para já espera-se que se mantenha até 15 de fevereiro.

  • O exemplo inglês 

    Opinião

    Na década de oitenta, as tragédias de Heysel Park primeiro e de Hillsborough depois, atiraram a credibilidade do futebol inglês para a sarjeta.

    Duarte Gomes