Coronavírus

Portugal com 25 mortes e 365 casos de covid-19 nas últimas 24 horas

RAFAEL MARCHANTE

O número mais baixo de novos contágios desde 7 de setembro.

Saiba mais...

Portugal regista esta segunda-feira mais 25 mortes e 365 novos casos de covid-19, segundo o relatório diário da Direção-Geral da Saúde (DGS).

Este é o número mais baixo de novos casos desde 7 de setembro (quando se registaram 249) e de óbitos desde 28 de outubro (dia em que foram notificadas 24 mortes por covid-19).

Desde o início da pandemia, Portugal já registou 16.565 mortes e 810.459 casos de infeção pelo vírus SARS-CoV-2, estando esta segunda-feira ativos 61.548 casos, menos 439 em relação a domingo.

O boletim da DGS revela também que estão internados 1.403 doentes, menos 11 face a ontem. Nos cuidados intensivos Portugal tem esta segunda-feira internados 342 doentes, menos 12.

Os dados desta segunda-feira revelam ainda que mais 779 pessoas foram dadas como recuperadas, fazendo subir para 732.346 o número de recuperados desde o início da pandemia em Portugal, em março de 2020.

34 dias consecutivos que o número de recuperados supera o de novas infeções.

DADOS POR REGIÃO

Das 25 mortes registadas nas últimas 24 horas, 15 ocorreram em Lisboa e Vale do Tejo, 6 na região Norte e 4 na região Centro.

Na região de Lisboa e Vale do Tejo foram notificadas mais 162 novas infeções, contabilizando-se até agora 306.938 casos e 6.961 mortes.

A região Norte tem hoje 57 novas infeções por SARS-CoV-2 e desde o início da pandemia já contabilizou 327.634 casos de infeção e 5.260 mortes.

Na região Centro, registaram-se mais 19 casos, acumulando-se 115.648 infeções e 2.951 mortos.

No Alentejo foram assinalados mais 31 casos, totalizando 28.659 infeções e 958 mortos desde o início da pandemia em Portugal.

A região do Algarve tem hoje notificados 11 novos casos, somando 20.250 infeções e 344 mortos.

A Madeira registou 78 novos casos. Esta região autónoma contabiliza 7.522 infeções e 63 mortes devido à covid-19.

Em relação aos novos casos registados na região autónoma da Madeira, a DGS esclarece que "60% (...) teve um período entre o diagnóstico e notificação superior a 48 horas, decorrente de intercorrências informáticas de um laboratório na região e que se encontram em processo de regularização".

A região Autónoma dos Açores registou 7 novos contágios nas últimas 24 horas e foram notificados no total 3.808 casos de infeção e 28 mortos.

DADOS POR GÉNERO E FAIXA ETÁRIA

Os casos confirmados distribuem-se por todas as faixas etárias, situando-se entre os 20 e os 59 anos o registo de maior número de infeções.

O novo coronavírus já infetou em Portugal, pelo menos, 366.742 homens e 443.448 mulheres, referem os dados da DGS, segundo os quais há 269 casos de sexo desconhecido, que se encontram sob investigação, uma vez que estes dados não são fornecidos de forma automática.

Do total de vítimas mortais, 8.679 eram homens e 7.886 mulheres.

O maior número de óbitos continua a concentrar-se nos idosos com mais de 80 anos, seguidos da faixa etária entre os 70 e os 79 anos.

Do total de mortes, 10.958 eram pessoas com mais de 80 anos, 3.499 com idades entre os 70 e os 79 anos e 1.461 tinham entre os 60 e os 69 anos.

Pedro Nunes

PR, Governo, especialistas e líderes partidários reúnem-se para avaliar situação epidemiológica

O Presidente da República, Governo, líderes partidários e especialistas reúnem-se esta segunda-feira para avaliar a atual situação epidemiológica no país.

Esta análise da pandemia de covid-19 em Portugal realiza-se antes do debate e votação da renovação do estado de emergência, que está marcado para quinta-feira.

Entre as intervenções sobre a situação epidemiológica em Portugal, os especialistas vão apresentar propostas para o futuro. Estratégias que vão ajudar o Governo a delinear o plano de desconfinamento que deverá ser anunciado na quinta-feira.

Marques Mendes avança que desconfinamento vai começar a 15 de março

Luís Marques Mendes avançou este domingo no Jornal da Noite da SIC que o desconfinamento vai começar no dia 15 pelas creches, pré-escolar e 1.º ciclo, estando ainda em dúvida se o pequeno comércio poderá abrir.

No seu espaço de comentário, o comentador disse ainda que a circulação entre concelhos vai estar proibida no período da Páscoa e que só depois dessa data é esperada a reabertura do restante comércio.

  • 2:33