Isabel II

Isabel II escreveu uma carta secreta que só poderá ser lida daqui a 60 anos

Rainha Isabel II
Rainha Isabel II
Max Mumby/Indigo
O manuscrito é acompanhado por instruções sobre quando e como deverá ser lido.

As celebrações fúnebres da Rainha Isabel II decorrem esta semana em Inglaterra. Mas, mesmo depois do funeral, a monarca vai partilhar uma mensagem como os habitantes de Sidney. Como? Há uma carta, escrita pela Rainha, que só poderá ser lida daqui a 63 anos.

O texto foi escrito em 1986, data em que o edifício em homenagem à sua tetra-avó, a Rainha Vitória, foi restaurado. Nesse ano, Isabel II realizou uma visita real à Austrália que estendeu-se durante 11 dias.

A carta é dirigida ao autarca de Sidney e, segundo o News.com.au, tem instruções: “Num dia adequado para ser escolhido por si no ano de 2085 d.C., por favor, abra este envelope e transmita aos cidadãos de Sidney a minha mensagem para eles”, escreveu a rainha.

Ninguém sabe o que Isabel II escreveu nesta mensagem para os futuros habitantes de Sideny, nem mesmo a equipa pessoal leu a carta. O envelope é assinado apenas como “Elisabete R.” – o nome próprio da Rainha – e está guardado numa cápsula de vidro, numa área restrita do edifício.

O edifício Rainha Vitória foi construído para comemorar o jubileu de diamante – correspondente as 50 anos de reinado – da monarca britânica. Depois de ter sido praticamente demolido em 1950, para dar lugar a um parque de estacionamento, o edifício foi restaurado em 1986.

A Austrália é um dos 15 países em que a Rainha era Chefe de Estado. Com a morte de Isabel II, o Rei Carlos III assume o lugar da mãe à frente dos vários Estados. O primeiro-ministro australiano declarou que o dia 22 de setembro será feriado nacional para que os habitantes possam fazer o luto à Rainha.