País

Jerónimo de Sousa vai deixar de ser deputado

Loading...

O secretário-geral cessante do PCP fala numa "alteração qualitativa" das suas capacidades.

Jerónimo de Sousa anunciou este domingo que não vai continuar como deputado na Assembleia da República, depois de ser revelado que ia abandonar o cargo de secretário-geral do PCP.

"Não, não vou continuar como deputado. Naturalmente, há aqui uma alteração qualitativa das minhas capacidades. Tendo em conta a dimensão da nossa bancada... Não se compadece com ausências momentâneas."

O antigo deputado e jovem dirigente comunista Duarte Alves é o nome seguinte na lista de candidatos à Assembleia da República pelo círculo eleitoral de Lisboa, por onde Jerónimo de Sousa foi eleito.

O dirigente comunista confirmou que Duarte Alves, de 31 anos, é o nome proposto para o substituir e que tem provas dadas do até agora curto trabalho que desenvolveu no parlamento.

O PCP anunciou no sábado que Jerónimo de Sousa vai deixar a liderança do partido, ao fim de 18 anos, e que Paulo Raimundo vai assumir o cargo de secretário-geral.

Num comunicado, o partido explicou que a "situação de saúde" de Jerónimo de Sousa e as "exigências correspondentes às responsabilidades que assume" colocaram o seu lugar à disposição.

Jerónimo de Sousa vai manter-se como membro do Comité Central do PCP, adiantaram no comunicado.


Últimas Notícias