Coronavírus

França utiliza TGV para transportar doentes da Alsácia

Christian Hartmann

Durante a madrugada as ambulâncias transportaram os doentes para a estação de caminhos de ferro de Estrasburgo.

Especial Coronavírus

O Estado francês utilizou hoje pela primeira vez o comboio de alta velocidade (TGV) para transferir pessoas infetadas com o novo coronavírus.

Os primeiros pacientes da zona leste do país foram embarcados às 08:30 (07:30 em Lisboa).

De acordo com a agência France-Presse, durante a madrugada as ambulâncias transportaram os doentes para a estação de caminhos de ferro de Estrasburgo, a principal cidade da Alsácia, uma região particularmente afetada pela pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

Jean-Francois Badias

Na segunda-feira, o ministro da Saúde do governo de Paris afirmava que se tratava da "primeira operação" do género na Europa. Os vinte pacientes, em estado grave, vão ser transferidos para os hospitais das cidades de Angers, Le Mans, Nantes e Roche-sur-Yon.

O grupo vai ser instalado em cinco composições no total, explicou a Direção Geral da Saúde (DGS). Em cada composição estão em permanência um médico anestesista, um médico de medicina interna, um enfermeiro e três auxiliares de enfermagem, acrescentou a DGS.

SIGA AQUI AO MINUTO AS ÚLTIMAS INFORMAÇÕES SOBRE A PANDEMIA DE COVID-19

Segundo as autoridades é possível que se venham a realizar mais transportes através dos caminhos de ferro de alta velocidade.Anteriormente já se realizaram transferências de doentes da mesma região com recurso a helicópteros militares e aviões da Força Aérea.

Veja também: