UEFA Euro 2020

UEFA Euro 2020. Quase 300 casos de covid-19 entre adeptos finlandeses

Ramberg

Após o jogo da Finlândia com a Bélgica.

Perto de três centenas de casos positivos do novo coronavírus foram identificados entre os adeptos finlandeses provenientes da Rússia, após o jogo da Finlândia com a Bélgica do UEFA Euro 2020 de futebol, anunciou esta segunda-feira a autoridade de saúde daquele país.

Depois do jogo em São Petersburgo, os finlandeses que regressaram após a derrota com os belgas (2-0) ainda na fase de grupos, a THL, a autoridade sanitária local, pediu que se isolassem durante 72 horas, até receberem um resultado negativo.

A autoridade mostrou-se preocupada com a deteção de cerca de uma centena de casos na última quinta-feira, um número que triplicou em cinco dias.

"Há tantas infeções que a situação é diferente do que era há uma semana", admitiu o autarca de Helsínquia, Jan Vapaavuori, após constatar o aumento de infeções.

  • Vamos falar de jejum: era capaz de ficar 16 horas por dia sem comer?

    País

    O jejum intermitente é um regime alimentar que impõe um período de restrição alimentar. Existem vários modelos, mas o mais conhecido é dividido em 16 horas de jejum e oito horas em que pode comer livremente. Os especialistas reconhecem benefícios nesta prática, mas afirmam que a investigação científica ainda é escassa.

    Exclusivo Online

    Filipa Traqueia