Sporting campeão

Festejos do Sporting. Moedas acusa Medina de "incapacidade e incompetência" 

JOSE SENA GOULAO

Candidato a Lisboa, Carlos Moedas, emitiu um comunicado sobre as celebrações do Sporting na capital.

O candidato à Câmara de Lisboa Carlos Moedas criticou esta quarta-feira o adversário Fernando Medina pela forma como decorreram os festejos do Sporting na capital.

Em comunicado, o social-democrata diz que o presidente da autarquia revelou incapacidade e incompetência, porque ao contrário do compromisso que Fernando Medina tinha assumido, verificou-se "uma total falha de segurança e de organização".

"Fernando Medina revelou uma vez mais a sua incapacidade e incompetência."

Carlos Moedas considera que a vitória do Sporting era esperada e, por isso, não faltou tempo para que se garantissem todas as regras de segurança física e sanitária.

O candidato do PSD a Lisboa afirma ainda que o autarca é o responsável pela "falta de segurança e de organização" nos festejos de terça-feira, e exige explicações.

"Fernando Medina deve muitas explicações aos lisboetas."

O autarca de Lisboa tinha agenda para esta manhã, mas foi cancelada por motivos pessoais.

Três pessoas detidas, 30 identificadas e várias feridas durante os festejos

A PSP informou num comunicado enviado às redações que, durante a noite de festejos do título de campeão nacional de futebol do Sporting, deteve três pessoas e identificou outras 30.

"A PSP apreendeu, a nível nacional, 63 artefactos pirotécnicos, identificou 30 pessoas por motivos diversos e procedeu à detenção de 3 cidadãos", pode ler-se num comunicado divulgado.

Quanto aos número de feridos diz que "de momento não é possível precisar", mas esclarece que "foram prontamente assistidos no local". A PSP informa ainda que quatro polícias e um cão ficaram com ferimentos ligeiros em resultado das desordens ocorridas e do arremesso de objetos perigosos, incluindo garrafas de vidro, pedras e artefactos pirotécnicos.

Milhares de adeptos do Sporting festejaram o título de campeão nacional, em Lisboa. Dezanove anos depois, o Marquês de Pombal vestiu-se de verde.

O autocarro que levava os campeões nacionais chegou à rotunda do Marquês às 04:00. Do estádio ao Marquês, o autocarro com jogadores, equipa técnica e direção levou mais de 3 horas. Foram quase 5 quilómetros de festa e euforia pelas ruas da cidade.

ESPECIAL SPORTING CAMPEÃO

  • 2:07