País

"Só ouvíamos gritos", o relato sobre o homicídio no aeroporto de Lisboa  

Exclusivo SIC

SIC falou com imigrante que estava no centro do SEF no aeroporto de Lisboa e que ouviu os seguranças a comentarem as agressões a Ihor Homeniúk.  

Os gritos de Ihor Homeniúk foram ouvidos por migrantes que estavam detidos no Centro de Instalação Temporária do aeroporto de Lisboa.

A SIC ouviu o relato de uma das mulheres que estava no local e que chegou a ver o cidadão ucraniano na noite anterior à sua morte.

A testemunha descreveu os tumultos e revelou que viu Ihor ser levado para a sala de isolamento. Relatou ainda uma conversa que ouviu dos seguranças do centro do SEF sobre as agressões:

"O rapaz apareceu a mancar e ela perguntou o que tinha acontecido. Ele respondeu que talvez tivesse se magoado com os pontapés que deu na pessoa."

  • Quem és tu, César?

    Extremos

    Quando a investigação da SIC percebeu que a vida publicada de César do Paço poderia ser fruto da imaginação do protagonista, fizemos alguns esforços para conhecer a verdadeira face do empresário. O essencial dessas descobertas será revelado na Grande Reportagem "Cifrões e outros demónios, 2ª edição", último episódio da série "A Grande Ilusão", mas o detalhe dos dois doutoramentos revelamo-lo já aqui.

    Pedro Coelho

  • 0:23