Desporto

Insuficiência cardíaca aguda apontada como causa da morte de Diego Maradona

Homenagem a Diego Maradona em Buenos Aires, Argentina

Agustin Marcarian

Resultados preliminares da autópsia ao ex-jogador de futebol argentino já saíram.

Maradona morreu esta quarta-feira na sua residência, em Buenos Aires, na Argentina, aos 60 anos.

Os resultados preliminares da autópsia indicam que a causa da morte foi uma "insuficiência cardíaca aguda, num paciente com cardiomiopatia dilatada". O relatório indica ainda que a insuficiência cardíaca aguda deverá ter sido causada por um "edema pulmonar".

A autópsia foi realizada no Hospital de San Fernando, em Buenos Aires.

Homenagem a Maradona junta milhares de pessoas em Buenos Aires

A imagem de Diego Maradona ergueu-se ontem em todas as ruas de Buenos Aires. Milhares de fãs juntaram-se em frente ao Obelisco de Buenos Aires para o último adeus ao campeão mundial de 1986.

Uma comitiva da comunicação social acompanhou a chegada do corpo até ao Palácio Presidencial onde vão decorrer as cerimónias fúnebres durante três dias.

Mundo do futebol comove-se com morte de El Pibe

A grandeza de Maradona inundou as redes sociais. As homenagens a uma das maiores lendas de futebol vieram um pouco de todo o mundo.

A Federalão Argentina foi das primeiras reagir escrevendo que Maradona “será eterno em cada coração do planeta do futebol”. Também o Barcelona e o Nápoles, onde El Pibe jogou durante vários anos, deixaram mensagens a agradecer a carreira e legado do jogador. Assim como o clube argentino Boca Juniores, e até o River Plate, clube rival, não ficou sem prestar homenagem à lenda do futebol.

Pelé diz que perdeu um amigo e que o mundo perdeu uma lenda. Messi sublinha a enorme perda para a Argentina, mas lembra que Diego Maradona é eterno. Cristiano Ronaldo chama-o de mágico inigualável.

O Presidente da Argentina, Alberto Fernández, decretou três dias de luto nacional pela morte de Maradona. O velório público decorre hoje, das 06:00 às 16:00 (entre as 09:00 e as 19:00 em Lisboa).