Coronavírus

Portugal com mais 4 mortes e 266 casos de Covid-19

Armando Franca / AP

Último balanço da DGS.

Especial Coronavírus

A Direção-Geral da Saúde (DGS) anunciou esta segunda-feira a existência de 1.568 mortes e 41.912 casos de Covid-19 em Portugal desde o início da pandemia.

O número de óbitos subiu, de ontem para hoje, de 1.564 para 1.568, mais 4 em relação a ontem, enquanto o número de infetados aumentou de 41.646 para 41.912, mais 266.

Há 489 doentes internados, 71 encontram-se em Unidades de Cuidados Intensivos.

O número de casos recuperados subiu de 27.066 para 27.205, mais 139.

Os números por região

Na região de Lisboa e Vale do Tejo, onde se tem registado o maior número de surtos, a pandemia de covid-19 atingiu os 18.977 casos, mais 225 do que no domingo.

Esta região tem atualmente 45% dos infetados em todo o país.

Em Portugal continental registou-se um aumento do número de infetados, com o norte a representar a segunda região com maior crescimento. Nesta região, a DGS contabiliza mais 25 pessoas infetadas com o novo coronavírus, atingindo hoje as 17.501.

A região Centro surge na posição seguinte da lista das regiões com maior crescimento do número de infetados, tendo registado mais seis do que no domingo, o que totaliza 4.100 pessoas infetadas com covid-19.

Também no Alentejo foram detetados mais seis infetados, atingindo 477, enquanto o Algarve somou mais três doentes, chegando aos 615.

Mais um caso nos Açores. Madeira mantém números

Os Açores registam mais um caso de infeção pelo novo coronavírus SARS-Cov-2, enquanto a Madeira continua com 92 pessoas infetadas e sem qualquer óbito registado.

A faixa etária e género mais afetados

Os dados do relatório da DGS indicam que, do total de mortes registadas até hoje, 782 são homens e 786 são mulheres.

Por faixa etária, o maior número de mortes regista-se entre as pessoas com 80 ou mais anos (1.051), seguida pela faixa entre os 70 e os 79 anos (302).

Entre a população com idades compreendidas entre os 60 e 69 anos há 143 mortes, além de 50 mortes entre as pessoas com idade entre os 50 e os 59 anos.

Entre os 40 e os 49 anos houve 18 mortos, duas entre os 30 e os 39 anos e duas na faixa etária dos 20 aos 29 anos.

Em termos globais, a faixa etária mais afetada pela doença é a dos 40 aos 49 anos (6.982), seguida da faixa entre os 30 e os 39 anos (6.677) e das pessoas com idades compreendidas entre os 50 e os 59 anos (6.590).

Consultor da DGS diz que assintomáticos podem transmitir o vírus e ficar com sequelas

O médico e consultor da Direção-Geral da Saúde, Filipe Froes, diz que não foi delineada uma estratégia para Portugal iniciar o desconfinamento.

Considera que o número de casos agora está a aumentar devido aos assintomáticos que, sem saberem, mantêm o vírus na comunidade e que podem ficar com sequelas.

Mais de meio milhão de mortos e 10 milhões de infetados em todo o mundo

A pandemia da covid-19 já matou mais de 500.000 pessoas e infetou 10.099.576 em todo o mundo desde que a doença foi detetada na China, em dezembro, segundo um balanço da agência AFP até às 22:00 TMG (23:00 em Lisboa) de domingo.

No total, foram contabilizadas 500.390 mortes a nível global, 196.086 das quais na Europa, o continente mais atingido.

Os Estados Unidos são o país onde se registou o maior número de mortes (125.747), seguindo-se o Brasil (57.622), o Reino Unido (43.550), a Itália (34.738) e a França (29.778).

O número de mortes registadas duplicou em pouco menos de dois meses, depois de ter alcançado os 250 mil óbitos no dia 05 de maio.

Países mais afetados:

  • Estados Unidos, com 125.768 óbitos e 2.544.169 casos
  • Brasil, com 57.070 mortes e 1.313.667 casos
  • Reino Unido, com 43.550 mortes e 311.151 casos
  • Itália, com 34.738 mortes e 240.310 casos
  • França, com 29.778 mortos e 199.343 casos.
  • China (excluindo os territórios de Hong Kong e Macau) ccom 83.500 casos, 4.634 mortes e 78.451 pessoas que se curaram.

Continentes e regiões mais atingidos:

  • Europa totaliza 196.085 mortes em 2.642.741 casos
  • Estados Unidos e o Canadá somam 134.277 mortes em 2.638.191 casos.
  • América Latina e as Caraíbas registam 110.883 mortes em 2.438.389 casos
  • Ásia 33.107 mortes em 1.218.767 casos.
  • Médio Oriente contabilizam-se 15.505 mortes em 730.977 casos
  • África teve 9.657 mortes em mais de 382 mil casos
  • Oceânia regista 133 mortes em 9.158 casos.

Links úteis

Mapa com os casos a nível global